Sequência didática baseada na pedagogia histórico-crítica para abordar o Papilomavírus Humano (HPV) no ensino médio

  • Elisângela Cavalcante de Oliveira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas.
  • Érica Freitas de Almeida Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas.
  • Soraya Farias Aquino
Palavras-chave: Sequência didática. Ensino de biologia. Papilomavírus humano.

Resumo

O presente trabalho tem por objetivo propor uma sequência didática para discutir a importância da vacina e do uso da camisinha como prevenção do Papilomavírus humano. Essa experiência foi realizada no ambiente de uma escola da rede estadual da cidade de Manaus, com duas turmas de 3o ano do ensino médio durante as aulas de Biologia. A atividade foi desenvolvida em três momentos: 1) observação da sala de aula, análise do plano de aula e do livro didático; 2) entrevista com grupo de alunos e professora; 3) Análise do conhecimento prévio e aplicação da estratégia de ensino. Verificou-se que os estudantes sentem dificuldades em assimilar os assuntos relacionados à saúde pública, e acreditamos que o uso de novas formas de abordar o conteúdo poderá lhes proporcionar uma melhor compreensão, tornando a aprendizagem significativa.

Referências

AZAMBUJA, Leonardo Dirceu. Pedagogia do Oprimido, Pedagogia Histórico-Crítica: aproximações necessárias. In: SEMINÁRIO DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO DA REGIÃO SUL, 9., 2012, Caxias do Sul/RS. Anais..., Caxias do Sul, Universidade de Caxias do Sul, 2012.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ciências Naturais. Brasília: MEC / SEF, 138 p. 1998.

COLOMBARI, Maria Regina Barion; MELO, Silvana Regina. Como trabalhar temas de ciências de forma dinâmica e construtiva: uma experiência. Arquivos do Museu Dinâmico Interdisciplinar, v. 10, n. 3, p. 23-28, 2013.

LOPES, Sônia; ROSSO, Sergio. Biologia - volume único. São Paulo: Saraiva, 2005. p. 136-137.

MORAES, Tatyane da Silva. Estratégias inovadoras no uso de recursos didáticos para o ensino de Ciências e Biologia. 2016. 144 f. Dissertação (Mestrado Profissional Gestão e Tecnologias Aplicadas à Educação) – Universidade do Estado da Bahia, Salvador, 2016.

MARINOVIC, Jorge Antonio. Produção de vídeos caseiros pelos próprios alunos como estratégia para melhorar a aprendizagem dos conceitos abordados nas aulas regulares de Física no Ensino Médio e com ênfase no registro das atividades propostas. 2012. 89 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências Exatas) - Universidade Federal de São Carlos, São Paulo, 2012.

NASCIMENTO, Tamiris Andrade; DUARTE, Ana Cristina Santos. Estratégias pedagógicas do ensino de ciências no fundamental: uma análise a partir de dissertações. Revista da SBEnBio. n. 7, p. 7077-7084, Out. 2014.

SAITO, Maria Ignez; LEAL, Marta Miranda. Educação sexual na escola. Pediatria, São Paulo, 2000, v. 22, n. 1, p. 44-48.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 9. ed. São Paulo: Autores Associados, 2005.

VIDOTTI, Lucimara Ferraz Martins; AFONSO, Roseli de Cassia. A Pedagogia histórico-crítica na prática do professor: desafios e possibilidades. Caderno Pedagógico. Jacarezinho-PR, 2008.

Publicado
2018-06-01
Como Citar
Oliveira, E., Almeida, Érica, & Aquino, S. (2018). Sequência didática baseada na pedagogia histórico-crítica para abordar o Papilomavírus Humano (HPV) no ensino médio. Revista De Estudos E Pesquisas Sobre Ensino Tecnológico (EDUCITEC), 4(07). https://doi.org/10.31417/educitec.v4i07.239